1887
Surveillance report Open Access
Like 0
This item has no PDF Download

Abstract

A infecção por VIH em Espanha foi monitorizada em indivíduos submetidos a análise voluntária do VIH em dez clínicas sentinela entre 1992 e 2002. Foram apenas considerados para incluão os doentes de primeira vez, e o seu número aumentou de 4426 em 1992 para 6649 em 2002. A maioria reconheceu o seu risco de exposição como heterossexual. A proporção de consumidores de drogas intravenosas diminuiu de 19% para 2% da população de estudo e a proporção de trabalhadores do sexo feminino aumentou de 6% para 26%. O número de doentes diagnosticados com infecção por VIH diminuiu de 604 em 1992 para 153 em 2002 e a prevalência de infecção por VIH desceu de 13,6% para 2.3% no mesmo período. Em todas as categorias de exposição de risco, foi observada uma diminuição da prevalência da infecção por VIH, mais acentuada durante os primeiros anos e que estabilizou nos últimos anos. Em 2002, a prevalência mais elevada de infecção por VIH foi registada em consumidores de drogas intravenosas (IDUs) (14,2%), homens homo/bissexuais (7,5%) e indivíduos com um parceiro heterossexual infectado pelo VIH (10,2%).

Loading

Article metrics loading...

/content/10.2807/esm.09.05.00466-pt
2004-05-01
2017-11-22
http://instance.metastore.ingenta.com/content/10.2807/esm.09.05.00466-pt
Loading
Loading full text...

Full text loading...

/deliver/fulltext/eurosurveillance/9/5/art00466-pt.htm?itemId=/content/10.2807/esm.09.05.00466-pt&mimeType=html&fmt=ahah
Comment has been disabled for this content
Submit comment
Close
Comment moderation successfully completed
This is a required field
Please enter a valid email address
Approval was a Success
Invalid data
An Error Occurred
Approval was partially successful, following selected items could not be processed due to error