1887
Surveillance report Open Access
Like 0
This item has no PDF Download

Abstract

A notificação de rotina das infecções meningocócicas invasivas tem uma grande tradição na República Checa, estando disponíveis dados de mortalidade desde 1921 e de morbidade desde 1943. No laboratório nacional de referência das infecções meningocócicas de Praga, ficam conservadas desde 1970 mais de 3 500 estirpes de Neisseria meningitidis originárias de casos de infecções invasivas e de seus contactos, de portadores sâos e de casos de infecções respiratórias. A análise dessas estirpes mostra que a população afectada por esta doença na República Checa é diferente daquela observada na Europa occidental. Em 1993, a incidência das infecções meningocócicas de serogrupo C aumentou. Este aumento está associado à emergencia do complexo Neisseria meningitidis C, ST-11, ET- 15/37, extremamente virulento. Este complexo foi responsável do aumento da incidência da infecção meningocócica, que atingiu o seu valor máximo em 1995 (2,2/100.000). Em consequencia, estabeleceu-se no país uma stratégia vacinal dirigida à população com o maior risco para estas infecções meningocócicas invasivas.

Loading

Article metrics loading...

/content/10.2807/esm.09.11.00488-pt
2004-11-01
2017-11-23
http://instance.metastore.ingenta.com/content/10.2807/esm.09.11.00488-pt
Loading
Loading full text...

Full text loading...

/deliver/fulltext/eurosurveillance/9/11/art00488-pt.htm?itemId=/content/10.2807/esm.09.11.00488-pt&mimeType=html&fmt=ahah
Comment has been disabled for this content
Submit comment
Close
Comment moderation successfully completed
This is a required field
Please enter a valid email address
Approval was a Success
Invalid data
An Error Occurred
Approval was partially successful, following selected items could not be processed due to error